A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

TORÓ DE ESPERANÇA

Toró comemora o gol da esperança rubro-negra
Foto: Globoesporte.com

Torcedores do Mais Querido do Brasil!

“A atitude que tivemos contra o Grêmio foi a de um jogo decisivo. Esse foi o espírito e a diferença." - Caio Júnior, após o jogo.

Essa atitude deveria ser posta em prática em todos os jogos. Esse espírito de luta, garra e dedicação é a alma rubro-negra. É a vontade de vencer e ser campeão que tornou o Flamengo o time temido e amado por todos brasileiros. Ontem, em um jogo espetacular, com um público acima dos 30 mil espectadores, o Mengão venceu por 2 a 1, o Grêmio, líder do Campeonato Brasileiro. A vitória encheu de esperança a torcida. Confesso que estava esmorecido e desacreditado após os jogos irregulares, mas esse importante resultado diante de uma equipe isolada na liderança e que não sofria gols desde o dia 27 de julho, revigora qualquer astral.

Importante frisar as atuações de Kléberson, Maxi, Juan, Bruno e lógico, Aírton. Esse "moleque" é bom de bola. Não deu espaços para o experiente Tcheco jogar. Apesar da sua juventude e pouca experiência, Airton se mostra um jogador de personalidade e capaz de dar muitas alegrias ao Flamengo.

Marcelinho Paraíba conseguiu ter uma atuação melhor do que a apresentada em sua estréia diante do Santos, na Vila Belmiro. E a cada jogo a expectativa é de melhorar gradativamente com o entrosamento e todo o requinte de habilidade que esse nordestino tem.

No primeiro tempo da partida, o time do Mengão parecia disputar uma maratona. Todos estavam ajudando na marcação, correndo para todos os lados, impedindo a progressão do ataque gremista. Já o Fla, buscando o gol, quando chegava ao ataque com todo nervosismo de um jogo decisivo, errava na conclusão. Mas em uma falha do até então intransponível goleiro Victor, o nosso baixolinha Maxi não teve piedade e abriu o marcador: 1 a 0.

O Grêmio tentou o empate na cabeçada de Marcel, mas a fase do melhor goleiro do Brasil é maravilhosa. Bruno saltou e espalmou a bola para escanteio. Nesse lance, a zaga demonstrou insegurança, ponto que precisa ser trabalhado para que não aconteçam erros nas próximas partidas.

No segundo tempo, o Flamengo foi superior, porém acabou sendo castigado com um gol aos 37 minutos, com o ex-São Paulino Souza, em uma cobrança de falta indefensável. Naquele momento, o miocárdio deu sinais de não aguentar, mas eis que Toró, após bate-rebate na área marcou o gol da vitória. Duas partidas no Maracanã e dois gols decisivos através dos pés de jogadores perseguidos pela torcida: Jaílton e Toró. (Após a benção do Padre Benedito, o Flamengo não perdeu nenhum jogo. Só falta a fé do baiano Obina resultar em gols com a benção especial do sacerdote.)

A sorte também voltou a jogar ao nosso lado e que continue assim. A arrancada deve começar agora. Quem pensa em título não pode perder, por isso, todo cuidado é pouco diante do Internacional, no Beira Rio, domingo, às 16h.

Vamos Mengo, Avante Mengo, Nosso Time É Forte!!!!

VIDEOBLOG - FLAMENGO 2X1 GRÊMIO

2 comentários:

Sobre o Futebol Carioca disse...

o toró salvo o flamengo, não jogou bem. mas o importante é o gol dele.
mas o time jogou bem, teve muita raça. foi um belo jogão .

Warley Morbeck disse...

O Flamengo está se encontrando. E se continuar assim, vai ficar MUITO ruim para os outros.

Warley Morbeck
http://flamengoeternamente.blogspot.com/