A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

quinta-feira, 6 de março de 2008

O poder de uma má intenção

Foto: globoesporte.com
Torcedores do Glorioso,
Ontem a batalha do Botafogo foi fora de campo, a torcida compareceu e ficou do lado de fora apoiando o time, lá dentro, os jogadores alvinegros reviveram todos os momentos que marcaram a final da Taça Guanabara e foram julgados pelos atos anotados na súmula do árbitro Marcelo de Lima Henrique.


A torcida do Botafogo compareceu para dar apoio e protestar

ACUSAÇÕES:

Zé Carlos – Artigo 255 (Praticar ato de hostilidade contra adversário). Pena: um a três jogos de suspensão.

Lúcio Flávio e Ferrero – Artigo 254 (Praticar jogada violenta) Pena: dois a seis jogos.

Jorge Henrique – Artigo 251 (Reclamar, por gestos ou palavras, contra as decisões da arbitragem ou desrespeitar o árbitro e seus auxiliares). Pena: uma a quatro partidas.

Diguinho – Artigos 251 (reclamação) e 252 (Ofender moralmente o árbitro, seus auxiliares ou qualquer outro participante do evento desportivo). Penas: uma a três e duas a seis partidas, respectivamente.

Castillo – Artigos 253 (Praticar agressão física) e 251 (reclamação). O primeiro tem pena prevista de 120 a 540 dias de suspensão e o segundo de uma a quatro partidas.

Cuca - Artigos 274 (Invadir local destinado à arbitragem), 187 II (Ofender moralmente árbitro e seus auxiliares) e 188 (Manifestar-se de forma desrespeitosa, ou ofensiva, contra autoridades ou entidades desportivas, contra árbitro ou auxiliar, ou ameaçá-los). Penas: de 120 a 720; de 60 a 360; e de 30 a 180 dias de suspensão, respectivamente.

Também foi julgado, pela expulsão, o jogador Souza (Flamengo), ele acabou sendo absolvido. Um pouco antes do julgamento principal, os advogados alvinegros já mostraram que estavam num dia inspirado, Triguinho, que foi expulso contra o Fluminense, foi absolvido por unanimidade.

Gustavo testemunhando, o jornalista foi um dos salvadores do Botafogo


O julgamento começou e junto com ele o sofrimento dos alvinegros. O jornalista da rádio Tupi, Gustavo Henrique, também foi chamado para depor, pois estava por perto no lance em que Diguinho foi acusado. O jornalista disse que viu o volante alvinegro afastando os companheiros e não percebeu nenhum objeto na mão do atleta, já no caso de Castillo ele não entendeu e apenas viu o jogador apontando para o relógio.

Absolvição de Zé Carlos e Jorge Henrique, suspensão de Castillo por um jogo, suspensão de Lúcio Flávio, Ferrero e Diguinho por dois jogos e suspensão de Cuca por 30 dias.

Mesmo com as punições impostas aos jogadores do Botafogo, agradeço aos advogados do clube que proporcionaram uma verdadeira vitória para todos, apesar da exagerada punição ao treinador Cuca, penso que poderia ser muito pior e o departamento jurídico do clube está de parabéns.

Fotos: Justiça Desportiva

Nenhum comentário: