A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

quarta-feira, 5 de março de 2008

COLUNA: DE OLHO NA PRESA

NACIONAL: TRADIÇÃO E CATIMBA URUGUAIA

Classificado para a maior competição sul-americana por ter conquistado o segundo lugar na Ligullia em 2007 e ocupando atualmente a terceira colocação com três pontos ao lado do Cienciano no grupo 4 da Libertadores, o Nacional é tecnicamente o adversário mais complicado para o Flamengo nessa fase de grupos, principalmente pela tradição e a catimba.

Fundado em 1899, a equipe da capital de Montevidéu é detentora de 41 campeonatos uruguaios, 33 participações na Libertadores, chegando a final em seis circustâncias e conquistando três vezes o caneco. Nas três oportunidades que disputou o Mundial de Clubes, os tricolores foram campeões (1971, 1980, 1988), marca idêntica alcançada por São Paulo e Real Madrid. Há ainda o título da Recopa Sul-Americana em 1989 e a Copa Interamericana em 1972 e 1989 na sala de troféus do clube.

O estádio Gran Parque Central, localizado no bairro de La Blanqueada, é a casa do Nacional. Inaugurado em 25 de maio de 1900, o estádio com capacidade para pouco mais de 18 mil lugares, foi remodelado em 2005 e está em perfeitas condições.

Estádio Gran Parque Central, palco do último jogo do Flamengo no 1º turno da fase de grupos

O fato curioso deste estádio está relacionado por ter sido sede da primeira partida de Copa do Mundo, em 14 de julho de 1930, entre E.U.A e Bélgica, com o placar final de 3 a 0 para a seleção do Tio Sam e a estréia com derrota da Seleção brasileira em Copas contra a Iugoslávia (2 a 1).

Os "Abos", maneira pela qual são chamados pelos seus torcedores ocupam a segunda colocação no ranking da Conmebol por país de origem e depositam suas fichas no experiente técnico Gerardo Pelusso, de 53 anos e no atacante Richard Morales que teve destaque no Osasuna-ESP e disputou a Copa de 2002. A principal jogada desse centroavante é a cabeçada, devido sua estatura de 1, 97m.

Outro destaque é o goleiro Viera, líder da equipe em campo e o meio-campo Bertolo, de 22 anos, que atuava pelo Boca Juniors. Um possível desfalque por parte do Nacional seria o meia Ligüera, que estava sentindo dores musculares, mas participou normalmente do treino com bola ontem e está a disposição do técnico uruguaio para a partida.

O Tricolor vem empolgado para o jogo diante do Mais Querido do Brasil, após golear o nosso algoz Defensor por 4 a 0, no último sábado, pelo Torneio Clausura. O resultado permitiu ao Nacional assumir a liderança da competição.

No ano passado, a equipe chegou as quartas-de-final da Libertadores, eliminando o Internacional, campeão de 2006. Portanto, a ambição uruguaia dessa vez é conseguir uma colocação ainda melhor, visando o título como uma consequência do trabalho realizado. Olho neles Mengão!

Ficha Pré-Jogo:

Nacional: Viera, Barone, Victorino, Arismendi, Fornaroli, Ligüera, Cardaccio, Caballero, Filgueira, Richard Moralres e Óscar Morales.

Flamengo: Bruno, Léo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim, Juan, Jailton, Cristian, Ibson, Toró, Diego Tardelli e Souza.

Estádio: Parque Central, Montevidéu
Horário: 18h (Brasília)
Árbitro: POZO Pablo (CHI)
Árbitro Asistente 1: JULIO Cristian (CHI)
Árbitro Asistente 2: BASUALTO Patricio (CHI)
4º Árbitro: OSSES Enrique (CHI)

Nenhum comentário: