A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

domingo, 2 de março de 2008

Dia de Tardelli

Tardelli corre para a torcida após marcar o gol da virada
Foto: Paulo Sérgio - Fotocom.net


Hoje, no Maracanã, o Flamengo jogou com uma equipe mista, pela 1ª rodada da Taça Rio do Campeonato "Creurioca", e teve certas dificuldades para vencer o Resende, por 4 a 2. Mesmo marcando quatro gols, com uma zaga formada por Thiago Salles e o novo contratado Leonardo, o rubro-negro sofreu para virar a partida e assegurar a primeira colocação do grupo A. Foram três jogos consecutivos pelo campeonato regional com vitórias conseguidas no segundo tempo, estamos nos especializando nessa questão, mas o coração não aguenta, é muita aflição e adrenalina.

Aos nove minutos, o substituto do zagueiro Rodrigo (Leonado), cometeu pênalti bisonho em Alexsandro. O atacante cobrou com paradinha, deslocando o goleiro Bruno e comemorando com o "Créu" e o "Choro dos Derrotados". O motivo da comemoração foi simples, o jogador do Resende é torcedor do Botafogo. Ele ainda teve outra alegria aos 22 minutos, com Léo, após uma bela jogada entre Beto e Toni, ampliando o marcador no Maracanã para desespero dos pouco mais de 10 mil torcedores presentes.

Após os dois gols, o Flamengo começou a reagir. Aos 25 minutos, Thiago Salles ajeitou para Leonardo que cabeceou na trave. No rebote, o Anjo-Negro tentou uma bicicleta e desperdiçou a oportunidade.

O lance parecia ter deixado o Resende atônito que tratou de recuar, querendo administrar a vantagem. Aos 28 minutos, enfim, o jovem Thiago Salles livre na pequena área se abaixou para diminuir para o Mengão. Aos 43 minutos, a chance do empate esteve nos pés de Obina que carimbou a trave.

No intervalo, Joel Santana começou a mexer na equipe, algo que ultimamente está dando certo. Colocou Maxi e Gavilán no lugar de Jailton e Kléberson. A pressão no segundo tempo foi enorme, e aos 15 minutos, o xodó rubro-negro, Obina, empatou a partida após Kléberson chapelar o adversário e deixar o baiano livre para marcar. Fla 2 a 2.

A virada estava sendo construída. Maxi Biancucchi deixou Diego Tardelli aos 20 minutos, livre e de frente para o gol escolhendo o canto, e virando a partida. Festa nas arquibancadas! Após o gol, o técnico Roy mexeu na equipe, substituindo o atacante "botafoguense" Alexsandro por Jack Jones. A torcida não perdoou e começou a tirar um sarro do jogador com a dança do creu, volume 3.

O Resende até que teve uma boa oportunidade, mas Bruno com uma defesa espetacular, salvou o que seria o empate. O gol de misericórdia estava reservado para Tardelli que completou de forma primorosa o cruzamento de Obina aos 45 minutos. Fla 4 a 2. Rumo ao título do segundo turno!




Ficha Técnica:


Flamengo: Bruno (5.0), Luizinho (4.5), Leonardo (4.0), Thiago Sales (5.5), Egídio (5.0), Jônatas (5.0), (Gavilán - 6.0), Jaílton (5.0), (Maxi - 6.0), Kleberson (6.0), Marcinho (6.5), (Cristian - 6.0), Diego Tardelli (8.0), Obina (7.5). Técnico: Joel Santana (8.0)


Resende: Márcio, Valdir, Márcio Costa, Leandro, Vinícius, Beto, Márcio Gomes, (Fábio Azevedo), Bruno Reis, (Biúla), Leo Alexsandro, (Jack Jones),Toni Carvalho. Técnico: Antônio Carlos Roy


Cartões amarelos: Jaílton (F), Gavilán (F), Beto (R), Alexsandro (R), Kleberson (F), Bruno Reis (R), Valdir (R), Jônatas (F), Egídio (F), Márcio Costa (R)
Árbitro: Leandro Noel Laranja
Auxiliares: Ricardo Ferreira de Almeida (RJ) e Luiz Antônio de Oliveira
Data: 02/03/2008
Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro
Público: 9.358 pagantes (10.609 presentes)
Renda: R$ 96.449,00

Nenhum comentário: