A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

sexta-feira, 9 de maio de 2008

TIOZÃO DA GÁVEA

Caio Júnior é recebido com festa no aeroporto Tom Jobim
Foto: Globoesporte.com


Torcedores do Mais Querido do Brasil!

Após toda a empolgação ao chegar ao Rio de Janeiro, Caio já começa a sentir a pressão que é treinar a maior equipe do futebol brasileiro. Sob o comando de Joel Santana, o Flamengo, derrotado por 3 a 0, viu o bicampeonato do maior torneio do continente ser adiado. O sonho do novo técnico do Flamengo - Caio Júnior - foi por água abaixo também já que o principal foco do treinador era dar prosseguimento ao bom trabalho desempenhado pelo ex-treinador e conquistar primeiramente o título da Libertadores.

Por três anos consecutivos, Caio Júnior teve a oportunidade de disputar a Libertadores. Em 2006, no comando do Paraná, o “homem dos óculos” levou o time paranaense à classificação, mas optou pela transferência ao Palmeiras no ano seguinte, onde não conseguiu desempenhar a mesma linha de trabalho muito bem sucedida no time do Sul e acabou vendo Flamengo, Fluminense, Cruzeiro, São Paulo e Santos se classificarem para o mais importante campeonato das Américas. Em 2008, com uma equipe pronta, Joel Santana mais uma vez foi responsável por tirar Caio Júnior da Libertadores com a eliminação do Mengão nas oitavas-de-final em uma atuação pífia da equipe no Maracanã.

O primeiro desafio de Caio é no próximo domingo, contra o Santos, pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será no Maracanã, com portões fechados devido à punição imposta pelo STJD após um torcedor atirar uma lata no campo na partida contra o Grêmio pelo Brasileirão de 2007. A torcida espera uma boa campanha no único campeonato que resta ao Flamengo este ano. É a hora de a equipe deslanchar e conseguir o maior número de pontos nesse início já que alguns dos principais concorrentes ao título estão com suas atenções voltadas para a Libertadores e a Copa do Brasil.

A torcida está junta com Caio Júnior, mas o que não se espera até mesmo pelo grande time que o Flamengo montou para a temporada são derrotas e uma campanha irregular. O hexacampeonato é possível, mas a humildade, inteligência, regularidade e trabalho devem vir acima de tudo para essa conquista.

Caio Júnior ainda será julgado pelo STJD na próxima terça-feira, por ter sido expulso na Copa do Brasil, quando ainda era o treinador do Goiás. O treinador foi denunciado nos artigos 187 II (ofender moralmente – árbitro ou auxiliar em função) e 274 (invadir local destinado à equipe de arbitragem). Segundo o CBJD, as penas previstas para estes artigos são suspensão de 30 a 180 dias e 120 a 720 dias, respectivamente. Caso seja condenado com a pena mínima de 150 dias, esse seria um fator que poderia tirar definitivamente o treinador do comando do rubro-negro.

O Departamento Jurídico do clube já começa a se mexer para que isso não ocorra. “O Flamengo naturalmente vai fazer a defesa do treinador, provavelmente serei eu, mas ainda tenho que analisar o processo para saber exatamente do que se trata. Depois vamos preparar a defesa” - disse o advogado Michel Asse filho ao Globoesporte.com.

De acordo com fontes ligadas ao clube, caso o novo treinador não consiga dar bons retornos ao Mengo sendo absolvido do julgamento, a primeira opção para o comando da equipe é o técnico Cuca. Kleber Leite até conversou com o treinador antes de contratar Caio Júnior, mas Cuca preferiu seguir sob o comando do Alvinegro carioca até mesmo em sinal de respeito ao Botafogo. Mas como futebol é momento e resultado, uma perda da Copa do Brasil e um mau início de Brasileiro por parte de Luis Carlos Saroli (Caio Júnior) seria o estopim para a mudança no clube mais amado do país.

FICHA TÉCNICA:

Nome: LUIZ CARLOS SAROLI (Caio Júnior)
Data de Nascimento: 08/03/1965
Cidade de nascimento: Cascavel/PR
Clubes como jogador: Grêmio, Vitória Guimarães (POR), Estrela da Amadora (POR), Internacional, Belenenses (POR), Novo Hamburgo-RS, Paraná, XV de Piracicaba, Paulista, Iraty-PR, Rio Branco(SP)
Clubes como treinador: Paraná, Cianorte, Londrina, Juventude, Gama, Palmeiras e Goiás
Títulos como jogador: Campeonato Gaúcho (1985, 1986, 1987 e 1994); Super Taça de Portugal (1987/1988)
Títulos como treinador: Vice-campeão paranaense (2002), 5º lugar no Brasileiro de 2006 e vaga para a Libertadores 2007

Nenhum comentário: