A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

domingo, 11 de maio de 2008

SANTOS, UMA MÃE PARA O FLAMENGO

Marcinho prepara o chute seguido do zagueiro Marcelo ao seu lado
Márcia Feitosa - Fotocom.net

Torcedores do Mais Querido do Brasil!

O Flamengo esqueceu a Libertadores e iniciou o Campeonato Brasileiro com o pé direito. No mesmo palco do vexame contra o América-MEX, na quarta-feira, o adversário da vez foi o Santos. O time da Vila Belmiro foi uma verdadeira mãe, pois perdeu por 3 a 1, gols de Marcinho, Ibson e Juan para o Mengo e Morais descontando para o Alvinegro Praiano. A torcida não pode comparecer ao Maracanã devido uma punição do STJD imposta por uma latinha atirada no campo por um torcedor na partida contra o Grêmio no ano passado.

Mesmo sem o apoio da Melhor e Maior Torcida do Brasil, o Flamengo partiu para cima do Santos e com apenas um minuto de jogo quase marcou. Juan cruzou da esquerda e Souza cabeceou com perigo, encobrindo a meta do goleiro Douglas. O domínio rubro-negro era visível. Aos 29 minutos não teve jeito. Ronaldo Angelim tocou para Juan, o lateral com um passe de primeira deixou o meia Marcinho na grande área bater no ângulo do goleiro. Fla 1 a 0.

Um minuto depois, o Flamengo ampliou. Kléberson roubou a bola e tocou para Marcinho. O camisa 22 da Gávea deu um toque de letra para Ibson que acertou um belo chute. Fla 2 a 0. Na melhor chance do Santos no primeiro tempo, Lima isolou a bola em um chute da entrada da área aos 36 minutos.

No intervalo, o técnico Leão apostou em Vitor Junior e Morais no lugar de Hudson e Paulo Henrique, respectivamente. Mas quem quase marcou foi o Flamengo. Aos 11 minutos, Souza em jogada individual na linha de fundo passou pelo zagueiro Domingos, fez o cruzamento, mas Leonardo não chegou a tempo para cabecear.

O jogo ficou mais aberto a partir dos 25 minutos. Diego Tardelli em um chute colocado de fora da área quase marcou, mas a bola teimou em carimbar a trave esquerda do goleiro Douglas. Logo em seguida, Ibson falhou e deixou Lima na boa para diminuir, mas o atacante parou na grande defesa de Bruno.

Aos 29 minutos, Leonardo Moura arrancou contra-ataque, cruzou a linha que divide o gramado e quase na linha de fundo tocou para Juan. O lateral como um centroavante tocou entre as canetas do goleiro santista. Fla 3 a 0.

Nos acréscimos, o Santos teve um pênalti a seu favor. Bruno trombou com Morais. O mesmo jogador pediu para bater e não decepcionou. Fla 3 a 1.

O próximo confronto pelo Campeonato Brasileiro será domingo contra o Grêmio, em Porto Alegre, às 16h.

FICHA TÉCNICA: FLAMENGO 3 x 1 SANTOS

Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Data/hora: 11/5/2008 - 18h10min (de Brasília)
Árbitro: Héber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Renda/público: Portões fechados
Cartões amarelos: Bruno, Souza (FLA); Domingos e Hudson (SAN)

FLAMENGO: Bruno (6.5), Léo Moura (7.5), Leonardo (5.5), Ronaldo Angelim (6.0) e Juan (8.0); Jaílton (5.5), Toró (5.5), Ibson (6.5) (Obina - 6.0) e Kleberson (6.0) (Cristian - 6.0); Marcinho (7.5) e Souza (6.0) (Diego Tardelli - 7.0). Técnico: Caio Júnior (6.5).

SANTOS: Douglas, Filipi (Evaldo), Marcelo, Domingos e Carlinhos; Adriano, Adoniran, Hudson (Vítor Junior) e Paulo Henrique (Morais); Wesley e Lima. Técnico: Emerson Leão.

3 comentários:

Anna Flávia disse...

foi uma mãe mesmo. se os jogadores estavam abalados depois de uma vitória dessa os ânimos são renovados.

beijo

Diogo Ferreira disse...

Concordo com Anna, os ânimos se elevaram após a derrota porém fizemos por merecer esse placar e o Santos ajudou =P

www.ConfionoMengao.blogspot.com

Saudações Rubro Negras!

Ricardo Oliveira disse...

Olá, pessoal !

Obrigado pelos comentários de todos, iremos retribuir !