A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

sábado, 25 de outubro de 2008

Bota encara o calor e esfria a crise

Thiaguinho festeja o seu gol
Foto: Reprodução TV Globo
Torcedores do Glorioso,

Com crise ou pseudocrise, o Botafogo foi até Ipatinga encarar o time da casa que amarga a lanterninha do campeonato. Com obrigação de vencer para afastar as notícias ruins e continuar vivo na luta pela Libertadores, o Glorioso gastou toda sua energia no primeiro tempo e a economizou no segundo vencendo por 3 a 0. Leandro Guerreiro, Diguinho e Thiaguinho marcaram.

Desde o início mostrando muita disposição e raça, o Glorioso não deu chances aos donos da casa e partiu para cima desde o primeiro minuto. Com isso, logo aos onze minutos, Leandro Guerreiro partiu do meio-de-campo driblando e contou com a ajuda do gramado para acertar um belo chute de fora da área e abrir o placar.

Depois do gol, o Alvinegro se manteve atacando com muito ímpeto e voltou a marcar nove minutos após. Carlos Alberto cobrou escanteio, Jorge Henrique e Renato Silva se chocaram e a bola sobrou com Diguinho que limpou o zagueiro e bateu forte para fazer o segundo, na comemoração o camisa 8 abraçou o preparador que insiste que ele chute de fora da área.

O Bota diminuiu um pouco seu poder ofensivo dando toques de lado. A arbitragem ainda parou a partida devido ao forte calor que fazia em Ipatinga. A equipe da casa deve ter descançado melhor que o Botafogo, pois num lance de contra-ataque, Leandro Guerreiro salvou, no rebote a bola sobrou com Adeílson que exigiu defesa de Renan, ainda buscando o gol, novamente Adeílson bateu cruzado e Édson afastou.

O Alvinegro só respondeu aos 41 minutos, Carlos Alberto receveu passe e chutou forte, mas Fernando jogou em escanteio. Alguns minutos depois foi a vez de Jorge Henrique acertar o goleiro do Ipatinga, só faltava Wellington Paulista que recebeu pela direita, em posição irregular, e chutou baixo, mas Fernando salvou novamente. O Bota foi para o vestiário com um gostinho de que poderia ser melhor.

Na volta para o segundo tempo, Márcio Bittencourt fez logo duas alterações e assim o Ipatinga foi para cima dando uma pressão no Botafogo exigindo boas defesas de Renan, que esteve bem em campo. O glorioso estava nitidamente encolhido no campo de defesa esperando para sair nos contra-ataques.

Mesmo com mais posse de bola, o Ipatinga não tinha a precisão necessária para estufar a rede do Botafogo e de vez em quando sofria nos ataques do fogão. Wellington Paulista partiu rápido pelo lado esquerdo e jogou na área, Alessandro chegou atrasado para uma conclusão, mas rolou de primeira para Jorge Henrique chegar de carrinho e por pouco não acertar a bola. O goleiro Renan sofria lá atrás com o forte calor e os jogadores do Botafogo chegaram a fazer uma paredinha para o goleirão em um momento em que ele desabou no gramado.

O tigre martelou durante quase todo o segundo tempo, mas quando o Botafogo atacou foi fatal. Zé Carlos tocou e Thiaguinho chutou colocando o terceiro na rede dos mineiros. A próxima partida do Bota é contra o São Paulo, no Engenhão.

IPATINGA 0 X 3 BOTAFOGO

Estádio: Ipatingão, Ipatinga (MG)
Data/hora: 25/10/2008 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Wallace Nascimento Valente (ES)
Auxiliares: Katiuscia Mayer Berger Mendonça (ES) e Fabiano da Silva Ramires (ES)
Renda e público: Não divulgados.
Cartões amarelos: Júlio 15'/1ºT, Adeílson 40'/2ºT (IPA) e Carlos Alberto 39'/2ºT (BOT)
Gols: Leandro Guerreiro (10'/1ºT), Diguinho (19'/1ºT) e Thiaguinho (46'/2ºT)

IPATINGA: Fernando, Márcio Gabriel, Henrique, Gian e Beto (Gilsinho 23'/2ºT); Júlio, Xaves (Pablo 0'/2ºT) e Augusto Recife; Adeílson, Kempes e Ferreira (Kempes 0'/2ºT). Técnico: Márcio Bittencourt

BOTAFOGO: Renan, Alessandro, Renato Silva, Edson e Triguinho (Zé Carlos); Leandro Guerreiro, Túlio (Thiaguinho 28'/2ºT), Diguinho (Emerson) e Carlos Alberto; Jorge Henrique e Wellington Paulista. Técnico: Ney Franco

2 comentários:

Vinícius Barros disse...

O seu título é mais real. Enquanto uns dizem que o Bota "espanta a crise", você diz que o Bota "ESFRIA a crise"!!!

Está corretíssimo, a situação ainda é de desespero e jogamos contra o LANTERNA!!!

Saudações Alvinegras!

Saulo Milleri Biral disse...

Conseguimos vencer, mas o ambiente do clube não está legal ainda e, portanto não podemos nos iludir.