A EQUIPE DO FC08 DESEJA A TODOS...
UM PRÓSPERO ANO NOVO!!

sábado, 13 de dezembro de 2008

HÁ 27 ANOS... E HOJE

Zico carrega a taça de campeão mundial
Foto: Arquivo de internet


Torcedores do Mais Querido do Brasil!

No dia 13 de dezembro de 1981, o Flamengo enfrentava o Liverpool na final do Mundial de Clubes e vencera por 3 a 0, gols de Nunes (duas vezes) e Adílio. Há 27 anos, o time comandado por Paulo César Carpeggiani não tomava conhecimento de um dos maiores times do atual momento na Europa e em menos de 45 minutos, aplicava uma grande goleada.

Os 62.000 torcedores que compareceram ao Estádio Nacional de Tóquio viram o futebol arte do time mais querido do Brasil. Liderados por Zico, a arrogância do time dos Beatles foi rapidamente liquidada.

Com apenas 13 minutos de jogo, Zico lançou Nunes que disparou, invadiu a área e chutou cruzado, abrindo o placar. Flamengo 1 a 0.

O Liverpool com a frieza inglesa tentou acalmar os nervos, mas eles não contavam com um dia inspirado do Galinho de Quintino. Aos 34 minutos, Zico cobrou falta, o goleiro Grobbelaar rebateu. Na sobra, Tita arriscou, porém o zagueiro Thompson cortou, mas Adílio, oportunista, completou o bate rebate na área e marcou o segundo gol.

Aos 41 minutos tinha mais. Zico lançou Nunes que com sua categoria tocou na saída do goleiro e estufou as redes. 3 a 0. Festa rubro-negra no Japão.

No segundo tempo, O Flamengo trabalhou bem a bola e esperou o apito final. Sem forças para reagir, o Liverpool “aceitou” a derrota e se rendeu a habilidade de Zico e Cia.

Flamengo, campeão mundial de 1981!

Local: Estádio Nacional, Tóquio (JAP); Data: 13 de Dezembro de1981; Árbitro: Rúbio Vazques (México); Gols: Nunes 13', Adílio 34' e Nunes 41' do 1° tempo

FLAMENGO: Raul, Leandro, Marinho, Mozer e Júnior; Adílio, Andrade e Zico; Tita, Lico e Nunes. Técnico: Paulo César Carpeggiani

LIVERPOOL: Grobbelaar; Neal, R. Kennedy, Lawnson e Thompson; Hansen, Dalglish e Lee; Johnstone, Souness e McDermott (Johnson). Técnico: Paisley.


VIDEOBLOG - ASSISTA OS GOLS


CUCA ASSUME O FLAMENGO E REFORÇOS ESTÃO CHEGANDO

Chega de tristezas, Cuca!

Agora, o Fla vive um momento muito diferente daqueles tempos de glórias. Após dois anos disputando a Libertadores e fracassando de maneira vexatória, o time não conseguiu a classificação para o torneio mais importante das Américas e disputará em 2009 a Copa do Brasil e como consolo a Sul-Americana que se tornará importante devido ao campeão disputar a Libertadores do próximo ano.

Após a traição de Ronaldo para com a torcida e Parreira que preferiu seguir como consultor da Traffic em aceitar a proposta de comandar o Flamengo, Kléber Leite agiu rápido e contratou o técnico Cuca. Dentre as possibilidades, uma sábia escolha. O FC08 afirmou que caso Caio Júnior não se firmasse no Flamengo, Cuca seria o treinador. Dito e feito. Na noite de ontem, o vice de futebol do Flamengo e o ex-comandante do Fluminense entraram em comum e o paranaense aceitou a proposta.

Cuca já teve uma passagem conturbada pelo Flamengo há três anos atrás. Comandou a equipe em 12 partidas, com cinco vitórias, quatro empates e três derrotas, e foi demitido após discutir com o então gerente de futebol, Anderson Barros. Lembro-me que o técnico concedeu entrevista para a Rede Globo na época e ele afirmava querer ficar no clube com lágrimas nos olhos como se falasse que poderia render tudo aquilo que os torcedores esperavam dele só que não deu devido a polêmicas com a diretoria.

Acredito que depois desse tempo, Cuca está mais amadurecido e saberá lidar com os problemas tanto dentro de campo quanto fora dele, já que alguns dos diretores da sua antiga passagem pelo clube permanecem na Gávea. Jonatas que garantiu ter vivido o pior ano de sua carreira terá que ter um longo papo com Cuca e colocar um ponto final na intriga entre eles de 2005.

Esperamos que o treinador esteja motivado e ganancioso por títulos, porque é isso que a torcida quer ver. Sabemos que Cuca é um tipo de treinador que defende a causa e luta à beira do gramado para que seu time saia vencedor em todas as batalhas. O lado negro ou azarado dele é explicado simplesmente por ter treinado o Botafogo. Todos sabem que tudo acontece ao Alvinegro e diante do Flamengo dificilmente ele levaria a melhor em finais.

Juntamente com o treinador, Diguinho, volante do Botafogo deve acertar com o clube até a próxima segunda-feira. Sendo um homem de confiança do treinador, o “reinado” de Jaílton como titular se aproxima do fim. Conca, Valdívia, Zé Roberto, Thiago Neves, Kléber Pereira e Daniel Carvalho estão na pauta de contratações.

O argentino queira ou não é um jogador que joga onde lhe for mais vantajoso. O clube detentor do seu passe, o River Plate, deu preferência ao Fluminense na contratação do jogador, mas o valor pedido na casa de R$ 6,6 milhões não foi depositado na conta do clube. Então, Conca já pode negociar com qualquer outro clube e esse valor ainda pode ser reduzido. O São Paulo é outro clube interessado no jogador.

Valdivia, ex-Palmeiras e atualmente no Al-Ain dos Emirados Árabes pode ser outro a desembarcar na Gávea apesar de toda a dificuldade na negociação. O atleta descarta defender um outro clube de São Paulo em respeito ao Palmeiras. Zé Roberto e Thiago Neves foram outros jogadores comandados por Cuca. Zé Roberto atualmente está no Schalke 04, da Alemanha, e às vezes nem sequer está relacionado para o banco de reservas. Já Thiago Neves alterna a titularidade e o banco. Daniel Carvalho foi outro a declarar sua disposição em defender as cores do Flamengo.

Kléber Pereira, artilheiro do Campeonato Brasileiro desse ano com 21 gols também revelou seu amor ao Flamengo, mas a negociação é difícil devido o seu contrato até o final do próximo ano com o Santos. Ele só virá para o Flamengo, caso o clube e o jogador consigam entrar em acordo com a diretoria santista com relação à multa rescisória.

Boa sorte, Cuca. Bom retorno. Agora, vamos buscar reforços para esse elenco!

Nenhum comentário: